Felipe Adão - Noticia

Confira a última atualização do Felipe Adão!

XV libera Felipe Adão e atacante acerta com time da Coreia do Sul

Um bom planejamento é aquele que o clube não precisa promover mudanças no elenco com a competição rolando. No XV de Piracicaba, porém, alguns dirigentes parecem ter “faltado” a essa importante aula. O motivo é que o Nhô Quim colhe o fruto de alguns decisões equívocadas nos bastidores. Uma delas foi a contratação do atacante Felipe Adão, que nesta quinta-feira foi liberado e não atua mais no Paulistão.

Filho do lendário Cláudio Adão, Felipe tem passagens por grandes clubes, como Vasco e Botafogo. Com 1m89 de altura, o atleta chegou ao XV no final de dezembro, firmando contrato até o término do Paulistão e dizendo que um dos motivos que o fizeram aceitar a proposta quinzista foi a “maior vitrine” no estadual. As partes entraram em acordo e rescindiram o contrato.

Felipão Adão chegou ao acordo para deixar o Nhô Quim após receber uma proposta para defender o FC Anyang, da Coreia do Sul. Ele pediu para deixar o clube, já que não vinha sendo aproveitado pelo treinador. O contrato não previa multa e isso facilitou a troca de país. O atleta está com a viagem marcada para a Ásia na próxima quinta-feira, quando vai fechar o novo contrato.

Felipe Adão é o segundo atacante a deixar o XV nesta semana. Antes dele, o clube anunciou a saída de Danilo Santos, que permaneceu no Nhô Quim por 40 dias e sequer esteve em campo. A situação é diferente de Adão, que atuou apenas duas vezes pelo time, nas derrotas para Santos (1 a 0) e São Bernardo (2 a 1), nas duas primeiras rodadas.

Não é de agora que a administração de Celso Christofoletti e Renato Bonfíglio – seu braço direito no XV – tem falhado na montagem do elenco. Ano passado, por exemplo, foi preciso trocar alguns jogadores e o treinador para evitar a queda para a Série A2 do Paulista. No final, com a permanência garantida, ficou em segundo plano o mau planejamento, que nesta temporada está se repetindo.

Com a saída de dois atacantes, o XV deve recorrer ao mercado para repor as opções para o setor. Isso porque o Nhô Quim conta, atualmente, com quatro jogadores de frente: Raphael Macena, Cafu, Pipico e Adílson. Esse último, porém, tem propostas de times da Série A2, como Capivariano e União Barbarense.

Fonte: Globo Esporte – http://globoesporte.globo.com/sp/campinas-e-regiao/noticia/2014/02/xv-dispensa-felipe-adao-e-confirma-reformulacao-no-elenco-do-paulistao.html

Deixe um Comentário